Resenha – Depois a Louca Sou Eu – Tati Bernardi

41PHi9VdP8L._SX331_BO1,204,203,200_Título: Depois a Louca Sou Eu
Autor(a): Tati Bernardi
Editora: Companhia das Letras
Páginas: 144

Sinopse: Em Depois a louca sou eu, Tati Bernardi escreve sobre a ansiedade com um estilo escrachado, ágil, inteligente e confessional. As crises de pânico, a mania de organização, os remédios tarja-preta e os efeitos da ansiedade em sua vida aparecem sob o filtro de uma cabeça fervilhante de pensamentos, mãos trêmulas, falta de ar e, sobretudo, humor. Tati consegue falar de um tema complicado, provocar gargalhadas e ainda manter o pacto de seriedade com o leitor. A capacidade de rir de si mesma confere a tudo isso distância, graça e humanidade. Depois a louca sou eu é a entrada em cena de uma escritora que ombreia com os melhores da nova literatura brasileira. – via Skoob


No seu mais novo livro Tati Bernardi (sim aquela das frases legais nas redes sociais) divide com o leitor suas crônicas mais pessoais possíveis. O livro é inteiramente focado na ansiedade e crises de pânico da autora, ela conta as piores situações que já passou, desde cancelar compromissos com amigos porque tinha medo de sair até desmaiar em aviões e em lugares lotados. Tati tem a coragem de confessar todos os seus medos, seja eles os medos bobos que todo mundo admite que tem, até aqueles medos que todos temos em um certo nível, mas preferimos guardar eles para nós mesmos seja por vergonha ou por achar que demonstrar esses medos nos torna mais fracos e menos prontos para a vida.

“Segundo todas as cartomantes e tarólogas e astrólogas que consultei: com o tempo essa ansiedade passa. Sim, todo mundo morre um dia.”

Dá até para pensar “nossa que livro tenso que só trata desses assuntos deprimentes.” Mas aí que entra a escrita da autora, tudo que ela diz e a forma como conta as suas confusões faz as coisas ficarem engraçadas, ela usa o humor para lidar com as situações mais tensas possíveis. Tati se confessa para o leitor e conta as piores coisas que podem acontecer, mas ao mesmo tempo diz que mais cedo ou mais tarde tudo vai ficar bem.

Nunca tinha lida nenhum livro da autora, lia apenas uma ou outra coluna na Folha, mas precisava de um livro leve para curar uma ressaca literária e “Depois a Louca Sou Eu” me ajudou muito nessa parte e acabou sendo uma agradável surpresa. Eu gostei bastante do livro e me identifiquei com a autora por várias vezes, além de dar gargalhadas do nada já que me imaginava naquelas situações bizarras. É um livro curtinho e cheio de dicas para a vida, acabei ele com a sensação de que eu sou um pouco mais normal que eu achei que fosse e que mesmo que tudo pareça ruim dá para rir da vida enquanto lidamos com as nossas manias.

“Foi quando senti medo de ser adulta, medo que nunca mais passou.”

5/5

5/5

postporrrrr

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s