Resenha: A Lista Negra – Jennifer Brown

“As pessoas fazem isso o tempo todo – acham que “sabem” o que está se passando na cabeça de alguém. Isso é impossível. É um erro achar isso. Um erro muito grande. Um erro que, se você não tiver cuidado, pode arruinar sua vida.”

IMG_3396

E se você desejasse a morte de uma pessoa e isso acontecesse? E se o assassino fosse alguém que você ama? O namorado de Valerie Leftman, Nick Levil, abriu fogo contra vários alunos na cantina da escola em que estudavam. Atingida ao tentar detê-lo, Valerie também acaba salvando a vida de uma colega que a maltratava, mas é responsabilizada pela tragédia por causa da lista que ajudou a criar. A lista com o nome dos estudantes que praticavam bullying contra os dois. A lista que ele usou para escolher seus alvos. Agora, ainda se recuperando do ferimento e do trauma, Val é forçada a enfrentar uma dura realidade ao voltar para a escola para terminar o Ensino Médio – via skoob

“A Lista Negra” é um livro que mostra um outro lado de uma história que infelizmente a gente acompanha toda hora na TV. Um adolescente entra atirando em alguma escola e o caos começa. Até ler esse livro eu nunca tinha pensado nesses casos do ponto de vista do atirador e das pessoas ao redor dele.

Valerie e Nick são namorados e estudam na mesma escola e durante todo e ensino médio sofrem bullying dos colegas. Um dia eles decidem escrever em um caderno o que cada um dos colegas faz com eles. Começa como uma lista inocente onde eles colocam para fora o que não podem contar a ninguém, mas para Nick acaba se tornando uma lista de pessoas que não merecem viver.

“Como sempre há tempo para a dor, também sempre há tempo para a cura. É claro que há.”

A história é contada através de notícias de jornais que retratam quem eram as vítimas, e pela Valerie, que no hospital tenta recapitular tudo o que aconteceu no dia da tragédia. Ela também mostra um lado diferente de Nick, um lado gentil e um tanto romântico.

Nesses casos uma pergunta que sempre fica e: De quem é a culpa? Talvez seja dos colegas que praticavam bullying, do atirador ou da família e amigos dele que não viram que algo estava errado? A Valerie se faz essa pergunta mil vezes e muitas vezes se culpa por ter colocado nomes na lista e não ter parado Nick antes disso tudo acontecer. A pressão de todos ao redor dela por explicações só piora as coisas até que ela começa a entender que Nick cometeu um erro, ela fez tudo o que podia para evitar que ele machucasse mais pessoas e que todos tem sua parcela de culpa e terão que aprender a lidar com isso.

Vale muito a pena ler e perceber que toda história tem vários lados e que sempre precisamos ouvir todos eles antes de julgar alguém.

“Em alguns dias, chegar ao fim do dia é uma grande vitória”

4/5

4/5

lista negrapost2

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s