Resenha: O massacre da serra elétrica – Stefan Jaworzyn

DSC_0001
Uma obra incomparável do medo, escrita de fã para fã. O Massacre da Serra Elétrica [Arquivos Sangrentos] faz uma verdadeira anatomia do clássico de Tobe Hopper, de 1974, apresenta pela primeira vez o making of e a história completa da série, e inclui um prefácio do próprio Leatherface (Gunnar Hansen), fotografias raras, inéditas e muito mais. A Coleção Dissecando Filmes Clássicos de Terror apresenta os bastidores das principais obras do gênero, ressaltando a amizade entre jovens apaixonados por cinema e sangue, que os leva a criar os filmes que queriam fazer, as histórias que queriam contar. A Edição especial sangrenta é confeccionada em capa dura e hot stamp. skoob

shdauihiudsaha
Como uma verdadeira fã do filme, não pude deixar de comprar esse livro, a princípio pensei que fosse apenas a história, mas quando vi que se tratava de detalhes de TODOS os filmes, com entrevistas inéditas e imagens, eu pirei!
Saber como foi feito e criado um dos filmes de terror mais conhecido do mundo é um presente que só Stefan Jaworzyn poderia nos dar, tudo é muito detalhado, desde uma breve história sobre os criadores do filme até a primeira e clássica versão do filme e os remakes.

Os fãs de Leather Face não irão se decepcionar ao ler esse livro; muitos mitos nos quais eu acreditava sobre a história não são reais; sim, eu jurava que o leather face tinha realmente “existido” (o remake de 2003 me fez acreditar nisso) mas através desse livro descobri que a única inspiração real para a criação do vilão foi o assassino Ed Gein (o mesmo que inspirou Psicose e outros diversos filmes).

“Foi nessa noite que o filme realmente nasceu. Eu tive medo, realmente tive medo, porque ele foi para outra dimensão, como se baixasse um espírito.”

1
Mais uma vez a editora Darkside faz um trabalho maravilhoso e detalhado, o cuidado que eles possuem ao fazer um livro para fãs do terror é incrível.
Com “O massacre da serra elétrica – arquivos sangrentos” não foi diferente, as imagens e diagramação do livro estão perfeitas.

2
É incrível como um filme de baixo orçamento, considerado trash, se tornou um     queridinho para o mundo inteiro, uma história que até hoje é explorada (existem diversos remakes), nunca vai morrer na mente do cinema, e é por isso que vale a pena ter em mãos essa obra de arte que é esse livro.

” O massacre da serra elétrica levou quase oito anos para se tornar respeitável aos olhos da indústria cinematográfica”

4/5

4/5

massacrepost

Anúncios

Um comentário sobre “Resenha: O massacre da serra elétrica – Stefan Jaworzyn

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s